Plano Diretor para Jaraguá recebe sugestões pela internet Plano Diretor para Jaraguá recebe sugestões pela internet
Ferramenta criada pelo Instituto Jourdan permite que todos os moradores possam contribuir no debate sobre o futuro do município   A última oficina preparatória... Plano Diretor para Jaraguá recebe sugestões pela internet
Ferramenta criada pelo Instituto Jourdan permite que todos os moradores possam contribuir no debate sobre o futuro do município

 

A última oficina preparatória para a revisão do Plano Diretor de Jaraguá do Sul ocorreu na noite de terça-feira, mas quem estiver interessado em contribuir para o debate sobre o futuro do município ainda pode participar e sugerir mudanças para o desenvolvimento urbano. Pelo site do Instituto Jourdan, os conselhos podem ser deixados até o final de junho. E a ferramenta criada pelo órgão é fácil de ser usada.

O sistema irá pedir seu login (clique aqui). Se você ainda não tem, é preciso fazer o cadastro – que leva menos de um minuto para ser realizado. Após o registro de dados, você acessa com seu login e senha. Em seguida, clique mais uma vez onde diz “Minuta Participativa”.

Vai abrir a página de uma ferramenta bastante interessante. Nela, aparecerá o texto da lei de 2007 completo. Você ainda pode encontrar links para Biblioteca, onde poderá encontrar textos sobre o tema para entender melhor o Plano Diretor, além de mapas da cidade.

Cada artigo, inciso, parágrafo ou alínea da lei conta com um balãozinho verde. É clicando nele que você poderá sugerir alterações, críticas e até elogios – dizendo se concorda ou não com o texto da lei que está em vigor. Você ainda terá acesso às sugestões de demais usuários para a cidade – e você pode concordar ou sugerir novas alterações, com uma justificativa. Lembrando que comentários inadequados serão removidos.

Um tutorial bem detalhado foi feito em vídeo e está disponível na página do Instituto Jourdan no Youtube e na página no Facebook (www.facebook.com/institutojourdan/).

O objetivo do Plano Diretor é pensar Jaraguá do Sul para os próximos dez anos. A minuta participativa atende às diretrizes constitucionais previstas no Estatuto da Cidade e na atual versão do Plano Diretor de Jaraguá do Sul para gestão democrática e participação popular na formulação, execução e acompanhamento de planos.

Todas as contribuições serão analisadas pela equipe técnica do Instituto Jourdan e, as aprovadas, serão utilizadas na minuta do texto que será discutida nas audiências públicas, no Conselho Municipal da Cidade (Comcidade) e na Câmara do Vereadores.

Nas oficinas presenciais, ideias como preservação ao patrimônio cultural e mudanças nas leis de habitação foram sugeridas, segundo presidente do Instituto, Ronaldo de Lima.

No comments so far.

Be first to leave comment below.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas