Destaques de Economia – Jornal da Destaques de Economia – Jornal da
FMI coleta dados da economia brasileira no ministério da Fazenda Missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) está em Brasília e realizou algumas reuniões no... Destaques de Economia – Jornal da

FMI coleta dados da economia brasileira no ministério da Fazenda

Missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) está em Brasília e realizou algumas reuniões no ministério da Fazenda para coletar dados sobre a economia brasileira. A visita anual é rotina e faz parte do acompanhamento que o fundo faz dos países-membro. Foram apresentados o comportamento da arrecadação de tributos no país e o programa de regularização de ativos de brasileiros no exterior, a conhecida repatriação.

Retomada da economia não virou realidade em agosto, diz FGV

A esperada recuperação econômica não se materializou, em agosto, nos dados que monitoram a atividade. Segundo informações divulgadas pela Fundação Getúlio Vargas, os dados que acompanham a atividade no presente recuaram em agosto pelo segundo mês seguido. Pesaram no desempenho negativo a baixa na ocupação do mercado de trabalho. O consumo de energia pela indústria ficou praticamente estável e as vendas do comércio tampouco mostram dinamismo.

Desemprego cresceu mais entre os idosos, diz Ipea

Estudo sobre desemprego mostra que o grupo de jovens entre 14 e 24 anos é o mais afetado entre os vários segmentos da população economicamente ativa, mas é no grupo de idosos (pessoas com mais de 59 anos) que se observa a maior taxa de variação de desemprego.

Pessoal ocupado no setor de serviços tem alta de 4,5% em 2014

O pessoal ocupado no setor de Serviços teve aumento de 4,5% em 2014 em relação ao ano anterior, segundo a Pesquisa Anual de Serviços (PAS) divulgada ontem pelo Insituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).
No mesmo período, a receita operacional líquida cresceu 6,5% e a massa salarial, 8%, ambas em termos reais.

Reforma trabalhista fica para o 2º semestre de 2017, diz ministro

A proposta de reforma trabalhista deverá ficar para o segundo semestre de 2017, disse ontem o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. Segundo ele, a solução para a crise fiscal e a retomada do crescimento são as prioridades que centram agora a atenção do governo.
A previsão inicial era que a proposta de “modernização” da legislação trabalhista como o governo vem tratando o assunto fosse enviada ao Congresso até o final deste ano.

No comments so far.

Be first to leave comment below.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas