Governador rebate acusações de recebimento de propina Governador rebate acusações de recebimento de propina
Em delação feita no dia 5 de maio, o delator ligado à JBS, Ricardo Saud afirmou que foram pagos R$ 10 milhões em propina... Governador rebate acusações de recebimento de propina

Em delação feita no dia 5 de maio, o delator ligado à JBS, Ricardo Saud afirmou que foram pagos R$ 10 milhões em propina para a campanha do governador Raimundo Colombo nas eleições de 2014. O objetivo, segundo Ricardo Saud, era obter facilidades na licitação para comprar a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan).

Ontem, em resposta as acusações, o governador soltou um vídeo onde contesta a afirmação do delator.

De acordo com o governador Raimundo Colombo, os R$ 10 milhões foram recebidos de maneira legal apenas para a realização da campanha.

Sendo assim, o governador Raimundo Colombo confirmou a ligação entre a sua campanha em 2014 e a JBS.

Na delação da empreita Odebrecht, o governador Raimundo Colombo foi citado pelo recebimento de R$ 16 milhões em propina. Na ocasião, o governador afirmou que as delações contra ele eram armadas e mentirosas.

Foto: Givaldo Barbosa / Agência O Globo

No comments so far.

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Pular para a barra de ferramentas